A formação em Direito é uma das mais tradicionais e procuradas por estudantes em todo o país. Se seu sonho é atuar na área de advocacia ou jurídica, saiba agora tudo sobre a profissão.

O que é Direito?

O Direito é o setor responsável pela aplicação e cumprimento das normas jurídicas de um território. É por meio dele que o sistema de regras que determina as condutas humanas se mantém. O Direito busca garantir uma certa ordem na sociedade e assegurar que os direitos e deveres dos indivíduos sejam cumpridos.

A formação na área é uma das mais antigas no Brasil e sem dúvidas uma das mais populares. Contudo, também é um curso exigente.

O que faz um profissional do Direito?

O estudante que se forma em Direito tem a opção de seguir a carreira em advocacia ou na área jurídica. Um advogado tem a função de defender os interesses de seu cliente, seja ele uma pessoa física ou jurídica, com base nas leis vigentes do país. Entre as atividades desenvolvidas por um advogado, estão: avaliar casos, encaminhar processos para a justiça, elaborar petições e recursos, comparecer em audiências, etc.

Seguindo a carreira jurídica, o bacharel em Direito pode se tornar delegado, juiz, procurador, promotor, entre outras profissões.

Por que estudar Direito?

O Brasil é o país com o maior número de faculdades de Direito do mundo, sendo o curso um dos mais concorridos nos vestibulares. Seja pelos altos salários ou pelo prestigio que a área proporciona, muitos estudantes são atraídos para esta carreira. Se você ainda não tem certeza se o curso é ideal para você, separamos alguns bons motivos para estudar Direito:

 

  1. Importante papel social: Além de ajudar a defender o direito das pessoas, o profissional de Direito viabiliza a harmonia nas relações sociais e garante a cidadania.

 

  1. Diversas possibilidades: A área de Direito oferece diversas possibilidades de atuação. Seja advogando ou atuando na carreira jurídica, o profissional deste setor encontra um amplo mercado.

 

  1. Salários altos: Graças ao amplo leque de atuação, o setor também proporciona uma variedade de remunerações. Entre as áreas mais bem pagas estão a de Direito Tributário, Direito Empresarial, Juiz Federal, Delegado da Polícia Federal, entre outros.

 

Como funciona a graduação em Direito?

A graduação em Direito dura em média cinco anos. A grade curricular possui matérias ligadas a área de humanas como Antropologia, História, Sociologia, e também matérias especificas da profissão como Português jurídico, Direito Civil, Direito Constitucional, entre outras.

A maior parte das disciplinas do curso são teóricas e com linguagem jurídica. Tal fato exige que o estudante esteja familiarizado com um grande volume de leitura. O aluno ainda tem a oportunidade de vivenciar a rotina da profissão por meio de simulações de julgamentos.

Para receber o diploma é obrigatório estagiar durante o curso, além de ao final da graduação produzir uma monografia. Ao concluir o curso, o formado recebe o título de bacharel em Direito. Contudo, para advogar no Brasil é preciso ser aprovado no exame da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB).

Exame da OAB

Para exercer a profissão no Brasil é obrigatório ser aprovado no Exame de Ordem Unificado aplicado pela OAB. O intuito da prova é garantir que o formado possui a capacitação, conhecimento e práticas necessárias para o exercício da advocacia. O bacharel em direito só consegue seu registro e a obtenção da carteira após aprovação no exame.

Qual o perfil de um profissional de Direito?

Assim como qualquer outra profissão, a carreira em Direito exige habilidades e características compatíveis com a área. Para se tornar um bom advogado é preciso ter boa desenvoltura ao falar e escrever, visto que a habilidade de convencimento e manejo das palavras é essencial para o sucesso em uma causa.

O curso de direito também requer muita leitura, raciocínio rápido e sabedoria ao lidar com situações que causam tensão. Além dessas características básicas, o profissional da área precisa ter conhecimento técnico para saber lidar com os procedimentos jurídicos.

Onde um profissional de Direito pode trabalhar?

O bacharel em Direito pode optar por advogar ou seguir a carreira jurídica. Além de poder atuar na área acadêmica dando aulas em instituições de ensino superior.

O profissional que escolhe advogar pode trabalhar em escritórios de advocacia ou até mesmo abrir seu próprio negócio. O advogado também pode estar presente em empresas prestando assessoria jurídica.

O bacharel em Direito pode atuar tanto no setor privado como no público. No último caso é necessário prestar concurso público. Entre os cargos da área jurídica que um profissional de Direito pode trabalhar, estão:

  1. Juiz: É o profissional responsável por analisar e julgar os conflitos submetidos a justiça. É dever do juiz ouvir as partes envolvidas no caso, analisar as provas e apresentar uma solução para o problema.

 

  1. Procurador: Um procurador representa uma pessoa, órgão público ou instituição. Entre as suas funções está prestar consultorias, realizar audiências, expedir notificações ou intimações, etc. Um procurador pode atuar no âmbito municipal, estadual ou federal.

 

  1. Promotor: Um promotor de justiça tem como sua principal responsabilidade defender os interesses da sociedade. Trabalhando nos Ministérios Públicos, este profissional atua como fiscal da lei, uma vez que combate à criminalidade e garante a aplicação de penas.

 

  1. Defensor Público: O defensor público presta assistência jurídica gratuita a aqueles que não podem arcar com os custos de um profissional devido a insuficiência de recursos.

 

  1. Desembargador: Um dos cargos de maior prestígio na magistratura, o desembargador é o juiz de segunda instância no Brasil e tem a função de julgar casos que não tiveram solução no primeiro julgamento.

Principais áreas de atuação no Direito

O Direito oferece várias opções de especializações e áreas para seguir. Conheça as principais:

  1. Direito Civil: Está área lida com a defesa de interesses relacionados a bens e propriedades. O profissional que atua no Direito Civil pode se especializar em campos como direito da família, divisões de bens, divórcios, etc.

 

  1. Direito empresarial: Conhecido também como Direito Comercial, este campo tem como objetivo cuidar dos interesses de empresários e empresas. O advogado empresarial é responsável por elaborar contratos, garantir segurança legal em processos dentro da empresa, entre outras atividades.

 

  1. Direito trabalhista: Regulamenta as condições jurídicas dos trabalhadores. Está área é responsável por resolver conflitos entre empregadores e empregados priorizando a justiça nos vínculos trabalhistas.

 

  1. Direito do Consumidor: É o ramo do Direito que tem o objetivo de assegurar a proteção de consumidores de produtos e serviços. Seja contra fraudes, quebra de contrato ou por falta de garantia legal, o profissional desta área tem o papel de conciliar a relação entre consumidor e fornecedores de bens e serviços.

 

  1. Direito Penal: Esta área é focada em ações de contravenções e crimes. O advogado é responsável por preparar a acusação ou defesa de envolvidos em processos.

 Como é o mercado de Direito?

O curso de Direito atrai muitos estudantes pelo seu mercado amplo. Contudo, mesmo com o número crescente de advogados sendo lançados no mercado, o ramo ainda carece de profissionais devido a exigência por altas qualificações.

Quem escolhe atuar no setor privado encontra um mercado abrangente e tem a possibilidade de transitar por diversas áreas do Direito. Já o bacharel que opta por seguir no setor público precisa ser aprovado em concurso público, famosos por serem bem difíceis. Além disso, também é possível atuar de forma autônoma.

O mercado de Direito oferece estabilidade e boa remuneração. Para se ter uma ideia, confira alguns cargos e a média de remunerações:

Advogado de Direito Trabalhista: R$3.723

Advogado de Direito Comercial: R$4.582

Promotor: R$24 mil

Juiz: R$27 mil

Desembargador: R$30 mil

Como ter sucesso na área?

Construir uma carreira sólida e alcançar o sucesso profissional é o sonho da maioria dos estudantes quando saem da faculdade. Separamos algumas dicas para facilitar essa conquista:

  1. Especialização: A especialização é um diferencial importante para os bacharéis em Direito. Devido ao grande número de atuantes na profissão, se destacar com uma boa qualificação é a melhor opção para se manter no mercado.

 

  1. Construa autoridade: Aqueles profissionais que gostam de ler, se manter atualizado e difundir conhecimento ganham posição de destaque no meio jurídico, visto que estão mais perto de se tornarem referência em uma área.

 

  1. Construa um planejamento de carreira: Idealizar sua carreira é um passo fundamental para alcançar seus objetivos profissionais. Ao seguir um direcionamento previamente definido é muito mais fácil crescer na profissão.

 

  1. Networking: Ter uma rede sólida de contatos dentro da profissão é uma maneira de impulsionar o desenvolvimento profissional, além de ser uma forma de gerar oportunidades.

Como ingressar na profissão?

Para se tornar um advogado ou exercer uma profissão ligada a área jurídica é necessário cursar Direito em uma instituição de ensino superior. Se você tem interesse de seguir essa carreira, o primeiro passo é buscar uma faculdade.

Como escolher a melhor instituição para se profissionalizar?

Você já sabe tudo sobre o curso e a carreira de Direito, agora chegou a hora de escolher onde você quer estudar. A decisão certa de onde cursar o ensino superior vai ser fundamental na sua qualificação e na busca por oportunidades no mercado de trabalho. Como sabemos que você se preocupa com o seu futuro, aqui vão algumas dicas para escolher a instituição certa:

  • Credenciamento no MEC: A primeira coisa que você deve fazer antes de escolher sua faculdade é verificar se a instituição está credenciada pelo Ministério da Educação (MEC). O credenciamento é exigido por lei. O interessado pode ter acesso a essa informação através do sistema e-Mec.

 

  • Histórico da instituição: A história e imagem de uma faculdade são fatores importantes que a tornam referência. Sendo assim, procure saber mais sobre a trajetória da instituição, que nível de profissionais são enviados para o mercado de trabalho e se o ensino vai te tornar qualificado.

 

  • Infraestrutura: É importante também estar atento a infraestrutura da faculdade, afinal de contas é ali que você vai passar uma boa parte do seu dia estudando. Ter instalações de boa qualidade é essencial para o êxito nos estudos. Procure saber sobre as condições das salas de aula, laboratórios, biblioteca, etc.

 

  • Grade curricular: A grade curricular consiste nas disciplinas que serão trabalhadas ao longo do curso. A mesma pode variar de faculdade para faculdade. Atente-se as disciplinas oferecidas e garanta que a instituição se preocupa em preparar seus alunos apropriadamente.

 

  • Descontos e bolsas: Sabemos que a questão financeira é um fator importante e decisivo na escolha de uma faculdade. Por isso, busque saber os descontos e as bolsas oferecidas pela instituição.

Por que escolher a PIO XII?

A Faculdade PIO XII é a primeira instituição de nível superior do município de Cariacica. Desde a sua fundação em 1998, pelo saudoso Professor Rachid Mohamd Chibib, o objetivo principal da Faculdade é formar profissionais capazes de se adequarem às continuas necessidades do mercado, atualmente tão competitivo.

A prioridade da PIO XII é proporcionar aos seus estudantes um conjunto de saberes e conhecimentos provenientes de uma sólida formação geral (conhecimento científico), da formação profissional (conhecimento técnico) e da experiência de trabalho e social.

Aqui, os alunos são preparados por professores de renome no mercado e estimulados a exercitar o raciocino lógico, crítico analítico que permita reconhecer e definir problemas, pensar estrategicamente, introduzir modificações no processo de trabalho, atuar preventivamente, transferir e generalizar conhecimento.

Ademais, a instituição possui a estrutura física que você precisa. A Faculdade conta com salas bem equipadas, elevador e rampa para garantir acessibilidade, laboratórios de informática, laboratório – escola, auditório, copiadora, biblioteca com mais de 7 mil volumes, entre outras coisas.

Direito é na PIO XII

Na PIO XII, o curso de Direito busca promover a educação jurídica formando profissionais cidadãos, éticos, empreendedores, detentores de boa formação generalista e conscientes da imprescindibilidade da educação continuada. A Faculdade ainda possibilita que o aluno vivencie na prática aquilo que aprende em sala de aula por meio do atendimento a comunidade.

Agora que você já sabe tudo sobre a profissão de Direito, que tal planejar a sua entrada na PIO XII? Nós temos 8 formas de ingresso – Enem, vestibular, transferência, segunda graduação, reingresso, programa Mais Bolsa, Nossa Bolsa e FIES- e diversos descontos esperando por você.

Já estamos prontos para te receber! Saiba mais acessando o nosso site: http://faculdade.pioxii-es.com.br/