Professores da PIO XII trocam experiência com Professor canadense

Neste ano, o treinamento com os Professores da PIO XII, que acontece todo início de semestre, foi diferente: contou com a participação especial de um professor canadense.

Richard Webber, ou Ricardo, como prefere ser chamado no Brasil, é um convidado do Professor Francisco José Teixeira. “Ele está passando férias em minha casa e resolvi trazê-lo para nosso treinamento”, conta.

O Coordenador Geral, Marcelo Loyola, adorou a ideia. “Foi uma visita muito legal. Essa troca de experiências é sempre muito importante”. A Professora Neidy Christo também elogiou. “Foi uma excelente oportunidade de trocarmos ideias e adquirirmos novos conhecimentos”.

TreinamentoProfessores1

Richard chegou à PIO XII sem saber o que o esperava. “Foi uma surpresa ver tantos professores, e todos prestando atenção em mim. Fiquei emocionado e nervoso, mas eles foram me deixando relaxado. Fiquei feliz em compartilhar”, afirma.

Os Professores falaram sobre metodologia de aulas, critérios e formas de avaliação, e relacionamento interpessoal. “Nós temos um relacionamento muito próximo com nossos alunos, às vezes eles nos contam até problemas familiares”, contou Marcelo a Richard. “Acho muito interessante esse tipo de aproximação. Em universidades em que se dá aula para 200 pessoas na mesma sala é mais difícil ter esse tipo de relação mais próxima”, respondeu Richard.

O canadense deu aulas de Matemática durante mais de 30 anos em escolas de Toronto. Hoje está aposentado, mas ainda dá aulas particulares. Ele está no Brasil há uma semana e fica até o início de março.

TreinamentoProfessores2TreinamentoProfessores3

 

Professores da PIO XII trocam experiência com Professor canadense

Neste ano, o treinamento com os Professores da PIO XII, que acontece todo início de semestre, foi diferente: contou com a participação especial de um professor canadense.

Richard Webber, ou Ricardo, como prefere ser chamado no Brasil, é um convidado do Professor Francisco José Teixeira. “Ele está passando férias em minha casa e resolvi trazê-lo para nosso treinamento”, conta.

O Coordenador Geral, Marcelo Loyola, adorou a ideia. “Foi uma visita muito legal. Essa troca de experiências é sempre muito importante”. A Professora Neidy Christo também elogiou. “Foi uma excelente oportunidade de trocarmos ideias e adquirirmos novos conhecimentos”.

TreinamentoProfessores1

Richard chegou à PIO XII sem saber o que o esperava. “Foi uma surpresa ver tantos professores, e todos prestando atenção em mim. Fiquei emocionado e nervoso, mas eles foram me deixando relaxado. Fiquei feliz em compartilhar”, afirma.

Os Professores falaram sobre metodologia de aulas, critérios e formas de avaliação, e relacionamento interpessoal. “Nós temos um relacionamento muito próximo com nossos alunos, às vezes eles nos contam até problemas familiares”, contou Marcelo a Richard. “Acho muito interessante esse tipo de aproximação. Em universidades em que se dá aula para 200 pessoas na mesma sala é mais difícil ter esse tipo de relação mais próxima”, respondeu Richard.

O canadense deu aulas de Matemática durante mais de 30 anos em escolas de Toronto. Hoje está aposentado, mas ainda dá aulas particulares. Ele está no Brasil há uma semana e fica até o início de março.

TreinamentoProfessores2TreinamentoProfessores3