O “Bom Velhinho” já chegou à Faculdade PIO XII

A magia do Natal já tomou conta dos corredores da Faculdade PIO XII. Há enfeites que remetem ao Dia do Nascimento do menino Jesus, 25 de dezembro, espalhados por todos os cantos da instituição, o que torna o ambiente mais agradável e harmonioso.

IMG_4235site IMG_4241site IMG_4237site

No centro de vivências, o que mais chama a atenção são os presentes na parte superior da cantina, que lembram a velha tradição de trocar presentes no período natalino.

IMG_4240site

Ao entrar nos setores da Faculdade, é possível perceber que as portas também ganharam um ar diferenciado. Os enfeites natalinos deram um toque mais aconchegante.

IMG_4247porta

IMG_4256porta2

Origem do Natal e o significado da comemoração

O Natal é uma data em que comemoramos o nascimento de Jesus Cristo. Na Roma Antiga, o 25 de dezembro era a data em que os romanos comemoravam o início do inverno. Portanto, acredita-se que haja uma relação desse fato com a oficialização da comemoração do Natal.

Do ponto de vista cronológico, o Natal é uma data de grande importância para o Ocidente, pois marca o ano 1 da nossa História.

Os símbolos de Natal

Em quase todos os países do mundo, as pessoas montam árvores de Natal para decorar casas e outros ambientes. Em conjunto com as decorações natalinas, as árvores proporcionam um clima especial nesse período.

Acredita-se que essa tradição começou em 1530, na Alemanha, com Martinho Lutero. Certa noite, enquanto caminhava pela floresta, Lutero ficou impressionado com a beleza dos pinheiros cobertos de neve. As estrelas do céu ajudaram a compor a imagem que Lutero reproduziu com galhos de árvore em sua casa. Ele utilizou velas acesas para mostrar aos seus familiares a bela cena que havia presenciado na floresta.

Essa tradição foi trazida para o continente americano por alguns alemães, que vieram morar na América durante o período colonial. No Brasil, país de maioria cristã, as árvores de Natal estão presentes em diversos lugares, pois, além de decorar, simbolizam alegria, paz e esperança.

2450-como-decorar-sua-arvore-de-natalsite

O presépio também representa uma importante decoração natalina. Ele mostra o cenário do nascimento de Jesus, ou seja, uma manjedoura, os animais, os reis Magos e os pais do menino. Essa tradição de montar presépios teve início com São Francisco de Assis, no século XIII.

8127-site

Estudiosos afirmam que a figura do bom velhinho foi inspirada num bispo chamado Nicolau, que nasceu na Turquia em 280 d.C. O bispo, homem de bom coração, costumava ajudar as pessoas pobres, deixando saquinhos com moedas próximas às chaminés das casas.

papaimagrosite

Foi transformado em santo (São Nicolau) pela Igreja Católica, após várias pessoas relatarem milagres atribuídos a ele.

*Com informações do site “Sua Pesquisa”

O “Bom Velhinho” já chegou à Faculdade PIO XII

A magia do Natal já tomou conta dos corredores da Faculdade PIO XII. Há enfeites que remetem ao Dia do Nascimento do menino Jesus, 25 de dezembro, espalhados por todos os cantos da instituição, o que torna o ambiente mais agradável e harmonioso.

IMG_4235site IMG_4241site IMG_4237site

No centro de vivências, o que mais chama a atenção são os presentes na parte superior da cantina, que lembram a velha tradição de trocar presentes no período natalino.

IMG_4240site

Ao entrar nos setores da Faculdade, é possível perceber que as portas também ganharam um ar diferenciado. Os enfeites natalinos deram um toque mais aconchegante.

IMG_4247porta

IMG_4256porta2

Origem do Natal e o significado da comemoração

O Natal é uma data em que comemoramos o nascimento de Jesus Cristo. Na Roma Antiga, o 25 de dezembro era a data em que os romanos comemoravam o início do inverno. Portanto, acredita-se que haja uma relação desse fato com a oficialização da comemoração do Natal.

Do ponto de vista cronológico, o Natal é uma data de grande importância para o Ocidente, pois marca o ano 1 da nossa História.

Os símbolos de Natal

Em quase todos os países do mundo, as pessoas montam árvores de Natal para decorar casas e outros ambientes. Em conjunto com as decorações natalinas, as árvores proporcionam um clima especial nesse período.

Acredita-se que essa tradição começou em 1530, na Alemanha, com Martinho Lutero. Certa noite, enquanto caminhava pela floresta, Lutero ficou impressionado com a beleza dos pinheiros cobertos de neve. As estrelas do céu ajudaram a compor a imagem que Lutero reproduziu com galhos de árvore em sua casa. Ele utilizou velas acesas para mostrar aos seus familiares a bela cena que havia presenciado na floresta.

Essa tradição foi trazida para o continente americano por alguns alemães, que vieram morar na América durante o período colonial. No Brasil, país de maioria cristã, as árvores de Natal estão presentes em diversos lugares, pois, além de decorar, simbolizam alegria, paz e esperança.

2450-como-decorar-sua-arvore-de-natalsite

O presépio também representa uma importante decoração natalina. Ele mostra o cenário do nascimento de Jesus, ou seja, uma manjedoura, os animais, os reis Magos e os pais do menino. Essa tradição de montar presépios teve início com São Francisco de Assis, no século XIII.

8127-site

Estudiosos afirmam que a figura do bom velhinho foi inspirada num bispo chamado Nicolau, que nasceu na Turquia em 280 d.C. O bispo, homem de bom coração, costumava ajudar as pessoas pobres, deixando saquinhos com moedas próximas às chaminés das casas.

papaimagrosite

Foi transformado em santo (São Nicolau) pela Igreja Católica, após várias pessoas relatarem milagres atribuídos a ele.

*Com informações do site “Sua Pesquisa”