O Coordenador Geral da PIO XII, Marcelo Loyola, participou de matérias no jornal A Tribuna nos dias 16 e 18 de junho.

Na edição de sábado, 16, o Coordenador fala a respeito do impacto que o possível aumento de juros, anunciado pelo Banco Central dos Estados Unidos, pode exercer nos produtos básicos comercializados no Brasil.

No jornal desta segunda-feira, 18, o Coordenador Geral critica o texto do Projeto de Lei (PL) 1.220/2015 que busca regulamentar a questão do distrato, aprovado na Câmara Federal.  Para Marcelo esta decisão trará impactos para o mercado de imóveis.

Na mesma edição, o Professor Rivelino Amaral expõe sua opinião a respeito de análise, realizada por uma comissão especial na Câmara dos Deputados,  sobre a regulamentação do teto remuneratório do funcionalismo (PL  6726/16), cujo o objetivo é evitar que órgãos  instituam normas administrativas para furar o limite salarial.

A PL 6726/16 redefine o que deve e o que não deve ser submetido ao teto remuneratório previsto na Constituição para todo o funcionalismo público.

Ainda nesta edição, o Professor  Rivelino Amaral é mencionado na Coluna Circuito por recentemente acompanhar  julgamentos e processos de grande relevância no Conselho Nacional do Ministério Público em Brasília