O curso de direito da Faculdade Pio XII não para!!

Em projeto idealizado e viabilizado pelo Professor Marcelo Loureiro, os alunos que cursam a disciplina de Prática Penal estão tendo acesso as audiências virtuais da 10ª Vara Criminal de Vitória. Para tanto, foi criado um grupo com os respectivos alunos e estes têm acesso a pauta e ao link de cada audiência. Sem dúvida, esse projeto além de proporcionar o cumprimento das atividades práticas que são obrigatórias para a conclusão do curso, enriquece o aprendizado com a vivência real da atividade forense. Além disso, nossos alunos já podem experiência o modelo virtual de realização dos atos judiciais que certamente farão parte de seu futuro profissional, contribuindo ainda mais para a formação de excelência que é a marca da Pio XII. Ao Professor Marcelo Loureiro, nosso muito obrigado.

“A participação dos alunos nas audiências criminais realizadas por meio remoto, hoje uma realidade consolidada no Judiciário Brasileiro, oportuniza aos discentes oportunidades únicas. Conseguem compreender a rotina e o papel do juiz, do promotor de justiça, advogados, réus e testemunhas, compreendendo a forma como ocorre a instrução processual. Inúmeros atos foram acompanhados pelos alunos da Pio XII e acredito que a iniciativa, pioneira, está sendo importante para a formação do profissional de Direito que pretendemos produzir.” Fala o Exmº Sr. Dr. professor Marcelo Menezes, sobre a prática que tem levado a seus alunos.

E para o aluno? Como está sendo essa experiência?

Bom, eu já trabalho no fórum criminal, na oitava vara. A do doutor Marcelo é a décima vara, devido a pandemia ainda não tive a oportunidade de participar de audiência com o juiz lá da vara, porém, o doutor Marcelo está fazendo um trabalho incrível com essa possibilidade de permitir aos alunos da PIOXII, o acesso as audiências ao qual ele figura como Juiz.

Isso é muito importante para nós, estudantes de direito, muitos não tem a oportunidade de estagiar devido a diversas coisas, no entanto, com essa possibilidade que ele nos concedeu, nos permitiu ter uma noção de como funciona uma audiência criminal, e até mesmo de como nos portar futuramente em uma audiência, como profissional da advocacia.

Em uma da audiências dele, o que mais me chamou atenção foi a proposta que o Ministério Público fez ao réu, “o acordo de não persecução criminal” benefício que fora trazido pelo pacote anticrime no ao de 2019, achei muito legal isso, eu estudo essa lei para concursos, mas nunca tinha visto ela sendo aplicado na prática e, ver essa aplicação em uma audiência foi muito gratificante.

O relato acima é do aluno André Gomes do 8º período do curso de Direito da Faculdade PIO XII.