Coordenador Geral da PIO XII faz análise para o jornal A Tribuna

A medida provisória adotada pelo Governo Federal, que responsabiliza a empresa a arcar com os gastos do empregado doente nos 30 primeiros dias (antes eram os 15 primeiros dias), tem deixado o empresariado preocupado com atestados falsos.

A matéria publicada no jornal A Tribuna desta terça-feira, dia 3 de março, contou com a análise do Coordenador Geral da Faculdade PIO XII, Professor Marcelo Loyola. Segundo ele, o Governo Federal precisa cortar gastos. Esse pode ter sido o motivo para a implantação da medida provisória, que aumenta o gasto da empresa e diminui o da União.

Marcelo 332015

A matéria completa pode ser conferida na página 3 do jornal A Tribuna em nossa Biblioteca ou no site da Rede Tribuna.

Coordenador Geral da PIO XII faz análise para o jornal A Tribuna

A medida provisória adotada pelo Governo Federal, que responsabiliza a empresa a arcar com os gastos do empregado doente nos 30 primeiros dias (antes eram os 15 primeiros dias), tem deixado o empresariado preocupado com atestados falsos.

A matéria publicada no jornal A Tribuna desta terça-feira, dia 3 de março, contou com a análise do Coordenador Geral da Faculdade PIO XII, Professor Marcelo Loyola. Segundo ele, o Governo Federal precisa cortar gastos. Esse pode ter sido o motivo para a implantação da medida provisória, que aumenta o gasto da empresa e diminui o da União.

Marcelo 332015

A matéria completa pode ser conferida na página 3 do jornal A Tribuna em nossa Biblioteca ou no site da Rede Tribuna.