As atividades complementares são obrigatórias para a integralização curricular, com as cargas horárias inseridas nas estruturas curriculares dos respectivos cursos.

As atividades complementares devem ser desenvolvidas no decorrer do curso, sem prejuízo da freqüência e aproveitamento das demais atividades do curso.

O objetivo das atividades complementares é propiciar ao aluno a aquisição de experiências diversificadas inerentes e indispensáveis ao seu futuro profissional, buscando possibilitar ao aluno vivências acadêmicas compatíveis com as relações do mercado de trabalho, estabelecidas ao longo do curso, notadamente integrando-as às diversas peculiaridades regionais e culturais.

Não são consideradas atividades complementares:

I –  as atividades desenvolvidas antes do ingresso no curso;
II – as atividades profissionais desenvolvidas pelos alunos não relacionadas com o curso;
III – as disciplinas eletivas, por integrarem a grade curricular do curso;
IV – o estágio curricular obrigatório, por integrar a grade curricular do curso.
As atividades complementares obedecem ao regulamento próprio, apresentado pelo Coordenador do curso e aprovado pelo Conselho Departamental.

Volta para Auto Atendimento