7 atividades físicas para quem tem um trabalho estressante

O estresse é uma condição rotineira para grande parte dos profissionais. Segundo o ISMA (International Stress Management Association), 70% dos brasileiros passam por momentos de ansiedade e estresse em seus locais de trabalho.

E, se esta sensação parece pairar permanentemente por baias em escritórios país afora, gerenciá-la é fundamental para minimizar seus efeitos nocivos.

Neste sentido, uma das alternativas mais eficientes é reservar um tempo para a prática de exercícios físicos. EXAME.com pediu ao diretor do Centro de Avaliação Física e Treinamento (Caft), Victor dos Santos, que indicasse esportes para profissionais estressados. Para ver a lista de atividades que prometem agradar a todos os gostos e perfis, clique na seta à direita na foto acima:

Ioga

Por que é bom para quem está estressado: “a sensação de estresse engloba um conjunto de fatores, e a dor nas costas costuma ser citada por vários executivos como um deles. Principalmente, para aqueles que não têm boa postura ou já apresentam dor na lombar, a ioga é uma solução”, diz Victor dos Santos, diretor do Caft.

Benefícios para o corpo: “além dos benefícios para as costas, essa arte milenar indiana, ajuda, inclusive, a combater desordens do aparelho digestivo”.

Tem contra indicação? A ioga deve se adaptar ao praticante e não o praticante à ioga, segundo Santos. “Caso o executivo tenha algum problema articular que torne algum procedimento da ioga desconfortável, é interessante repensar se vai ou não fazer uma determinada posição”, diz.

Dança de salão

Por que é bom para quem está estressado: é uma atividade lúdica que leva a mente para longe das preocupações com metas, lucros e resultados, diz o diretor do Caft, Victor Santos. “A atividade envolve outros sentidos do corpo além da audição, além de, é claro, ser um ambiente para interagir com outras pessoas”, diz.

Benefícios para o corpo: a coordenação motora é beneficiada e, até mesmo, o raciocínio é estimulado, já que os passos são – na maioria das aulas – sincronizados, segundo Santos.“O corpo é alongado e, como os sorrisos são constantes nessas aulas, até os músculos da face são trabalhados. Dependendo da intensidade e frequência, pode até gerar a perda de peso para o praticante”, explica.

Caminhada de 30 minutos ao dia

Por que é bom para quem está estressado: Não vale considerar a caminhada que você dá entre a mesa do cafezinho e a sala de reuniões, diz Victor Santos. “É caminhada mesmo, daquela que faz suar, mas sem ser tão intensa a ponto de perder o fôlego”, diz. De acordo com ele, nestas condições a atividade faz com que o corpo libere hormônios que ajudam no bom funcionamento do corpo.

Benefícios para o corpo: são vários, e a melhora na circulação do sangue é um deles. O diretor do Caft alerta que ficar muito tempo sentado pode causar varizes e uma boa caminhada diária pode evitar o problema.

Tai Chi Chuan

Por que é bom para quem está estressado: “melhora a função cardiovascular”, diz Victor Santos. Ele lembra que o coração é um dos órgãos mais afetados pelo estresse.

Benefícios para o corpo: “executivos que enfrentam longas jornadas de trabalho costumam reclamar de aceleração da frequência cardíaca. Com essa arte chinesa, o coração fica um pouco mais protegido na hora de lidar com situações tensas”, diz.

Hidroginástica

Por que é bom para quem está estressado: “para quem já apresenta algum desvio de postura, essa é a atividade ideal”, diz Victor Santos, diretor do Caft. Segundo ele, por ser na água, a incidência de lesões e acidentes é muito menor, além de ser uma atividade agradável.

Benefícios para o corpo: O coração é um dos maiores beneficiados. “Quando o praticante está dentro da água, o corpo sofre a pressão hidrostática, ou seja, a pressão da água. Essa pressão ajuda no retorno venoso, ou seja, na volta do sangue ao coração pelas veias, e consequentemente o coração desacelera (diminuição de 8 a 13 batimentos)”, explica.

foto
Fonte: EXAME

7 atividades físicas para quem tem um trabalho estressante

O estresse é uma condição rotineira para grande parte dos profissionais. Segundo o ISMA (International Stress Management Association), 70% dos brasileiros passam por momentos de ansiedade e estresse em seus locais de trabalho.

E, se esta sensação parece pairar permanentemente por baias em escritórios país afora, gerenciá-la é fundamental para minimizar seus efeitos nocivos.

Neste sentido, uma das alternativas mais eficientes é reservar um tempo para a prática de exercícios físicos. EXAME.com pediu ao diretor do Centro de Avaliação Física e Treinamento (Caft), Victor dos Santos, que indicasse esportes para profissionais estressados. Para ver a lista de atividades que prometem agradar a todos os gostos e perfis, clique na seta à direita na foto acima:

Ioga

Por que é bom para quem está estressado: “a sensação de estresse engloba um conjunto de fatores, e a dor nas costas costuma ser citada por vários executivos como um deles. Principalmente, para aqueles que não têm boa postura ou já apresentam dor na lombar, a ioga é uma solução”, diz Victor dos Santos, diretor do Caft.

Benefícios para o corpo: “além dos benefícios para as costas, essa arte milenar indiana, ajuda, inclusive, a combater desordens do aparelho digestivo”.

Tem contra indicação? A ioga deve se adaptar ao praticante e não o praticante à ioga, segundo Santos. “Caso o executivo tenha algum problema articular que torne algum procedimento da ioga desconfortável, é interessante repensar se vai ou não fazer uma determinada posição”, diz.

Dança de salão

Por que é bom para quem está estressado: é uma atividade lúdica que leva a mente para longe das preocupações com metas, lucros e resultados, diz o diretor do Caft, Victor Santos. “A atividade envolve outros sentidos do corpo além da audição, além de, é claro, ser um ambiente para interagir com outras pessoas”, diz.

Benefícios para o corpo: a coordenação motora é beneficiada e, até mesmo, o raciocínio é estimulado, já que os passos são – na maioria das aulas – sincronizados, segundo Santos.“O corpo é alongado e, como os sorrisos são constantes nessas aulas, até os músculos da face são trabalhados. Dependendo da intensidade e frequência, pode até gerar a perda de peso para o praticante”, explica.

Caminhada de 30 minutos ao dia

Por que é bom para quem está estressado: Não vale considerar a caminhada que você dá entre a mesa do cafezinho e a sala de reuniões, diz Victor Santos. “É caminhada mesmo, daquela que faz suar, mas sem ser tão intensa a ponto de perder o fôlego”, diz. De acordo com ele, nestas condições a atividade faz com que o corpo libere hormônios que ajudam no bom funcionamento do corpo.

Benefícios para o corpo: são vários, e a melhora na circulação do sangue é um deles. O diretor do Caft alerta que ficar muito tempo sentado pode causar varizes e uma boa caminhada diária pode evitar o problema.

Tai Chi Chuan

Por que é bom para quem está estressado: “melhora a função cardiovascular”, diz Victor Santos. Ele lembra que o coração é um dos órgãos mais afetados pelo estresse.

Benefícios para o corpo: “executivos que enfrentam longas jornadas de trabalho costumam reclamar de aceleração da frequência cardíaca. Com essa arte chinesa, o coração fica um pouco mais protegido na hora de lidar com situações tensas”, diz.

Hidroginástica

Por que é bom para quem está estressado: “para quem já apresenta algum desvio de postura, essa é a atividade ideal”, diz Victor Santos, diretor do Caft. Segundo ele, por ser na água, a incidência de lesões e acidentes é muito menor, além de ser uma atividade agradável.

Benefícios para o corpo: O coração é um dos maiores beneficiados. “Quando o praticante está dentro da água, o corpo sofre a pressão hidrostática, ou seja, a pressão da água. Essa pressão ajuda no retorno venoso, ou seja, na volta do sangue ao coração pelas veias, e consequentemente o coração desacelera (diminuição de 8 a 13 batimentos)”, explica.

foto
Fonte: EXAME